GO4 BRAZIL

PANTANAL & BONITO

Brasil, prazer em conhecer
8 dias / 7 noites
Pantanal e Bonito.
2020/2021: Diárias
BONITO CAMPO GRANDE
Compartilhe:

PANTANAL & BONITO

Esse é um roteiro perfeito para amantes da natureza e ecoturismo. É possível visitar o Pantanal durante todo o ano, mas cada estação tem o seu cenário com características próprias. O período de maior chuva é de novembro a março, onde parte do Pantanal fica alagado o que faz com que a natureza se revigore nos oferecendo lindas paisagens com o mais lindo pôr do sol. Já o melhor período para observação da vida selvagem é entre julho e outubro, estação da seca que faz com que os mamíferos saiam em busca de alimento e água.

Sugerimos quatro noites no Pantanal e mais três noites em Bonito, chegando por Campo Grande e traslado ao Pantanal com hospedagem no hotel pioneiro em Ecoturismo na região oferecendo passeios em trilhas com observação de animais, observação dos jacarés, safari fotográfico, passeios de canoa entre outras várias atividades oferecidas pela região.

Após essas apaixonantes experiências no Pantanal, seguiremos a Bonito com passeios em gruta, flutuações em rios de águas cristalinas e passeio de bote percorrendo cachoeiras e corredeiras que nos fazem sentir imersos em uma natureza de tirar o fôlego!

Qual é a melhor época para visitar o Pantanal?

O Pantanal muda de cenário a cada estação, mas é sempre exuberante. Cada uma das estações possui características próprias, variando de acordo com a presença ou não das chuvas. A precipitação anual do pantanal é em média 1500 mm, mas com grande concentração nos meses de novembro a março.

Estação das Águas - Período de dezembro a março

Com as chuvas de verão parte do Pantanal fica alagado, a fauna e a flora se revigoram e o Pantanal atravessa uma de suas épocas mais exuberantes. As principais características desta época são as mais belas paisagens, com água por todas as partes e muitas aves aquáticas, como o tuiuiú, os cabeças-secas, o carão, patos, marrecas e garças.
Entre os mamíferos mais comuns podemos encontrar a capivara, o lobinho e os veados: campeiro e catingueiro. As plantas aquáticas estão em reprodução e podemos observar as mais diferentes formas e cores nas baías e corixos, além de muitas borboletas e outros insetos muito interessantes. Também é a época de se observar o mais lindo pôr do sol do ano.

Estação da Vazante - Período de abril a junho

Em abril as chuvas param e o nível das águas começa a baixar formando lagoas e poças d'água, onde milhares de peixes ficam presos, servindo de banquete às aves aquáticas, que se concentram nestas regiões.
A temperatura fica mais amena, e as noites mais estreladas. Os mamíferos que se dispersaram na estação da cheia começam a retornar e dar o ar de sua graça. Com sorte podemos observar espécies como queixadas e catetos, o cervo-do-pantanal, e os macacos: bugio e prego.

Estação da Seca - Período de julho a outubro

É o melhor período para a observação da vida selvagem. A falta de chuvas encolhe as lagoas, revelando a planície e facilitando o transporte por terra. Os campos começam a secar, oferecendo vastas áreas para pastagem, onde os mamíferos buscam alimento e água nas poças d'água remanescentes.
A partir de agosto ocorre a floração dos ipês, localmente chamados de piúvas (rosas) e paratudos (amarelos). As aves entram na estação reprodutiva, vocalizando muito e com suas plumagens em melhor estado. Também é a melhor época para observar os tamanduás, quatis e mãos-peladas.

Estação da Enchente - Período de novembro e dezembro

É o período em que chove bastante no Pantanal, mas não o suficiente para alagar. Devido ao longo período de seca, demora um tempo para que o solo sature de água a ponto de transbordar. Também é a época de muita fartura de alimento para as aves que iniciaram sua reprodução nos meses anteriores, sendo muito comum avistarmos filhotes se alimentando com seus "pais".

Dia 1 - ... / CAMPO GRANDE / PANTANAL

Embarque em voo com destino a Campo Grande (bilhetes aéreos não inclusos no valor do pacote). Chegada, recepção e traslado ao Refúgio Ecológico Caiman (236 km, sendo 200km de asfalto e 36km de estrada cascalhada, 04h00 de viagem). Chegada e acomodação por 4 noites.

Dia 2 - PANTANAL

Passeios conforme a programação da Pousada.

Passeios oferecidos pelo hotel de acordo com a disponibilidade e agenda:

Passeios a pé

Caminhadas nas trilhas pantaneiras: realizadas em diversas trilhas nas proximidades das pousadas. As caminhadas permitem a observação de pequenos animais e vegetação da região. É o passeio que proporciona maior contato com o ambiente que está sendo visitado. Reforçando o enfoque ecológico da sua atividade, o Refúgio Ecológico Caiman alterna as áreas de passeios, minimizando o impacto no meio ambiente.

Caiman Tour

Uma caminhada pelos arredores da sede principal, Base do Projeto Onçafari e Centro de Interpretação Ambiental. O seu destino é a ponte do Paizinho, um dos locais mais tradicionais do Refúgio Ecológico Caiman, aonde se realiza a observação dos jacarés. É um momento mágico em que os turistas ficam bem próximos dos jacarés com toda a segurança proporcionada pelos guias, conhecendo de perto um dos símbolos do Pantanal.

Safári Fotográfico

Realizado em veículos especialmente adaptados, este passeio possibilita o acesso aos locais mais distantes na fazenda. Durante o safári fotográfico, é possível observar as peculiaridades e contrastes da vegetação, assim como uma grande variedade de animais. Este passeio pode ser combinado com outras atividades, como por exemplo uma trilha na mata e focagem.

Passeio de canoa canadense

É realizado nas baías da fazenda. Os hóspedes remam em canoas canadenses de três lugares e contemplam a vegetação e as aves aquáticas mais próximas. É também uma boa oportunidade para ouvir os sons locais e observar o lindo pôr do sol pantaneiro.

Focagem Noturna

Oferece a oportunidade de se observar animais de hábitos noturnos. O ponto alto é quando se avistam os jacarés, cujos olhos têm um reflexo vermelho impressionante.

Jeep Safari

Oferece um contato mais íntimo com a vida selvagem. Realizado em veículos 4x4 com adaptações para safári, proporciona aos hóspedes um contato mais próximo com os animais e acesso a diferentes áreas do Pantanal.

Obs: Todos os hóspedes deverão assinar um regulamento no check-in contendo as instruções e os riscos que as atividades envolvem e acordando em seguir as instruções passadas pelos guias (Caimaners e de campo). O hotel reserva-se o direito de cancelar ou substituir qualquer atividade regular se as condições ambientais não forem favoráveis à sua realização.

Dia 3 - PANTANAL

Passeios conforme a programação do hotel.

Dia 4 - PANTANAL

Passeios conforme a programação do hotel.

Dia 5 - PANTANAL / BONITO (170 KM +/- 2H30)

Em horário previamente combinado, encontro com motorista para saída em traslado a Bonito. Chegada e acomodação por 3 noites no Hotel Zagaia.

Dia 6 - BONITO

Saída pela manhã para passeio na Gruta do Lago Azul (20km).
É sem dúvida a mais bela e imponente gruta da região. A 180m abaixo da superfície, através de 292 degraus chegamos até um local onde se visualiza um lago de água rica em carbonato de cálcio e magnésio, dando-lhe uma cor azulada, e rica em espeleotemas. Um local onde habitam beleza e mistérios. Duração - 02:30hs.

Saída pela tarde para passeio: flutuação no Rio Sucuri com almoço incluso - Situado na Fazenda São Geraldo, o Rio Sucuri, considerado um dos rios de águas mais cristalinas no mundo, oferece o passeio de flutuação, que tem início com uma caminhada de aprox. 500m na mata ciliar levando o visitante até as nascentes do rio, que ficaram mais conhecidas após filmagem para a novela Alma Gêmea. Durante a trilha o visitante pode apreciar a fauna e flora local e fazer paradas em mirantes para observação das nascentes. A flutuação de aprox. 1800m nas águas cristalinas do Rio Sucuri, permite ao visitante apreciar a beleza da flora subaquática e a interação com diversos cardumes de peixes. A fazenda tem um belo receptivo, com piscina, redário, bar e restaurante, sanitários (adaptados para cadeirantes), armários guarda-volumes e loja de souvenir. Distância: 18 km. Flutuação com almoço (meio período).

Dia 7 - BONITO

Saída pela manhã para passeio de bote no Rio Formoso - Realizado em botes infláveis por um dos principais rios da região, num percurso de 6Km, passando por três cachoeiras e duas corredeiras com uma parada para banho de aprox. 20 min. Durante o percurso tem-se a oportunidade de contemplar a fauna e flora às margens do rio até o desembarque na Ilha do Padre, onde o turista pode usufruir da infraestrutura do local que possui vários decks e cachoeiras para banho, além de sanitários, vestiário, bar, lanchonete e restaurante. O passeio de bote é ideal para todas as idades. Duração: meio dia. Distância: 12 km.

Saída pela tarde para passeio à Estância Mimosa com almoço incluso - O passeio tem início com uma caminhada por trilha de aprox. 3.500m pela mata ciliar do Rio Mimoso em meio a árvores centenárias e animais silvestres. São sete paradas para banho em cachoeiras com piscinas naturais, sendo que uma parte do percurso é percorrido com barco à remo. Diversos mirantes com visões panorâmicas da Serra da Bodoquena fazem da Estância Mimosa um dos passeios mais fascinantes da região. A casa sede da fazenda, onde é servido um delicioso almoço, mantém suas características originais. Após um merecido descanso no redário, ainda há a opção de encerrar o dia com um agradável passeio opcional a cavalo. O receptivo possui bar e restaurante, sanitários e loja de souvenires. Duração: meio dia. Distância: 24 km. Trilha e Cachoeiras com almoço.

DIA 8 - BONITO / CAMPO GRANDE / ...

Em horário previamente combinado, encontro com motorista para saída em traslado ao Aeroporto para embarque em voo ao seu próximo destino (bilhetes aéreos não inclusos no valor do pacote).

ESSE PROGRAMA INCLUI

• Acomodação nos hotéis mencionados no roteiro com taxas inclusas (exceto taxa de turismo - deverão ser pagas localmente);
• Traslados privativos conforme mencionados em roteiro;
• Passeios regulares, compartilhados com outros hóspedes;
• Seguro Viagem;

ESSE PROGRAMA NÃO INCLUI

• Bilhetes aéreos (consulte-nos sobre as melhores tarifas);
• Taxas de embarque nos aeroportos;
• Taxas de permanência nas cidades (a serem pagas diretamente nos hotéis);
• Despesas com documentação e vistos consulares;
• Entrada aos monumentos, museus e outros atrativos visitados que não estão mencionados como incluídos;
• Passeios opcionais;
• Refeições e bebidas não mencionadas como incluídas;
• Carregadores de malas nos hotéis, estações de trem, portos e aeroportos;
• Extras de caráter pessoal (bebidas, lavanderia, telefone, etc.);
• A tradicional gorjeta ao guia e/ou motorista, carregadores de malas, camareiras e etc., a critério de cada passageiro;
• Qualquer serviço não mencionado em "Esse programa inclui".

IMPORTANTE

Devido a pandemia do novo corona vírus algumas atrações podem não estar funcionando ou apenas com horários restritos.

Gostou deste roteiro? Solicite mais informações.