PARA ONDE QUER VIAJAR?

ÁFRICA DO SUL COM CHARME
A beleza das regiões mais encantadoras do país.

9 dias / 7 noites

Johannesburg, Região de Safáris Fotográficos, Região de Vinícolas e Cape Town.

2018: Diárias - Jun. 01 a Dez. 20' 2018

CAPE TOWN JOHANNESBURG
KRUGER PARK AREA
ÁFRICA DO SUL : RAND SUL AFRICANO

Gostou deste roteiro?
Solicite mais informações.

SOLICITAR

ATRAÇÕES:

Toda a energia da cosmopolita Johannesburg;

A inesquecível e emocionante experiência dos safáris fotográficos;

A charmosa e encantadora região vinícola e sua excelente variedade gastronômica;

Cape Town, uma das cidades mais vibrantes e fascinantes do mundo.


1º DIA - JOHANNESBURG

Chegada, recepção e traslado ao hotel escolhido para acomodação por 01 noite.


2º DIA - JOHANNESBURG/ CAPE TOWN

Traslado ao aeroporto para embarque com destino a Cape Town. Chegada, recepção e traslado ao hotel escolhido para acomodação por 03 noites.
CAFÉ DA MANHÃ INCLUÍDO.


3º E 4º DIAS - CAPE TOWN

A cidade de Cape Town é fascinante, vibrante, cosmopolita e maravilhosamente linda! Por isso, desenvolvemos e sugerimos passeios exclusivos, visitando os pontos mais interessantes da cidade, com o toque "Queensberry", focando nas experiências, nos sentidos e nas emoções que cada passeio pode trazer! Por isso, operamos somente passeios privativos. A assistência é feita por um guia local falando espanhol, português ou inglês e a saída é feita a partir do hotel em que os passageiros estão hospedados, com horários agendados previamente. Com uma dinâmica exclusiva, os passeios são desenvolvidos e focados nos interesses e expectativas específicas dos clientes. Consulte-nos!
CAFÉ DA MANHÃ INCLUÍDO.


5º DIA - CAPE TOWN/ REGIÃO DE VINÍCOLAS

Traslado à região de vinícolas. Chegada e acomodação por 02 noites no hotel escolhido.
CAFÉ DA MANHÃ INCLUÍDO.


6° DIA - REGIÃO DE VINÍCOLAS

Dia livre para desfrutar a beleza da cidade e conhecer suas excelentes vinícolas e restaurantes.
CAFÉ DA MANHÃ INCLUÍDO.


7º DIA - REGIÃO DE VINÍCOLAS/ CAPE TOWN/ REGIÃO DE SAFÁRIS FOTOGRÁFICOS

Traslado ao aeroporto de Cape Town para embarque com destino à Região de Safáris Fotográficos. Chegada e acomodação por 02 noites. Ao entardecer, saída para uma experiência fascinante: o safári fotográfico! Ele é realizado em jipes abertos, acompanhado por um guia (ranger) especializado na flora e fauna local, em busca dos animais e aves que predominam na região.
CAFÉ DA MANHÃ E JANTAR INCLUÍDOS.


8º DIA - REGIÃO DE SAFÁRIS FOTOGRÁFICOS

Ao amanhecer e ao entardecer, passeio pela reserva em busca dos cinco grandes, os famosos "Big Five": leão, búfalo, rinoceronte, leopardo e elefante. Aproveite todos os momentos - e todos os animais - que serão vistos. Além dos cinco grandes, muitos antílopes, elefantes, girafas, zebras, hienas e cachorros selvagens podem participar desse momento emocionante que é fazer um safári fotográfico na África. Deixe que o espetáculo da natureza aconteça!
CAFÉ DA MANHÃ, ALMOÇO E JANTAR INCLUÍDOS.


9º DIA - REGIÃO DE SAFÁRIS FOTOGRÁFICOS/ JOHANNESBURG/ SÃO PAULO

Às primeiras horas da manhã, se o horário do voo permitir, saída para o safári fotográfico para apreciar o nascer do sol e buscar os animais ainda não vistos nos outros safáris. Saída em traslado ao aeroporto para embarque com destino a Johannesburg. Chegada e embarque com destino a São Paulo. Fim de nossos serviços. Até a próxima viagem!
CAFÉ DA MANHÃ INCLUÍDO.


NOTAS IMPORTANTES:

As tarifas não são válidas para períodos de feiras, eventos e feriados, e estão sujeitas à variação cambial e à disponibilidade dos hotéis. Assim, os valores ficarão sujeitos a reajustes de acordo com o período da viagem e serão reconfirmados no ato da reserva.

O departamento de imigração sul-africano implementou novo regulamento para crianças menores de 18 anos:
Menor viajando com os pais: além do passaporte, deverão estar em posse de sua certidão de nascimento (original ou cópia autenticada). Não é necessária a tradução juramentada da certidão.
Menor viajando com apenas um de seus pais: além do passaporte e da certidão de nascimento (original ou cópia autenticada), deverão apresentar também, uma autorização de viagem (original) emitida há menos de 6 (seis) meses, com firma reconhecida e a cópia autenticada do RG do pai/mãe que está concedendo a autorização. A autorização de viagem para menor viajando com somente um dos pais deve ser bilingue (inglês e português) e emitida em duas vias, pois uma via será retida pela Polícia Federal na saída do Brasil e a outra deverá ser apresentada na imigração da África do Sul. Não é necessária a tradução juramentada da certidão.

Alguns trechos aéreos são realizados em aeronaves de pequeno porte (avionetas) cujo roteiro e conexões são definidos às vésperas do dia da viagem e de acordo com o número de passageiros confirmados para as regiões/ pista de pouso. A emissão inclui eventuais conexões que forem necessárias para chegar às pistas de pouso mais próxima dos lodges reservados. Não há emissão de bilhetes físicos para esses voos, que são coordenados diretamente pelo operador local em contato com os lodges, assim como a organização dos traslados.

"Game lodge" é a nomenclatura utilizada para os hotéis localizados nas regiões de safári. Eles recebem esse nome por possuírem uma rotina diferente dos hotéis convencionais, incluindo as atividades de safári na sua programação diária.
Os safáris possuem uma dinâmica voltada para a movimentação dos animais. Às primeiras horas da manhã (com o sol ainda brando) e ao final da tarde (quando o sol começa a se por), são os melhores momentos para observar a vida na savana. Vale lembrar que os horários dos voos estabelecidos pela cia aérea e as distâncias entre os lodges e o aeroporto de chegada/partida nem sempre coincidem com a programação de safáris fotográficos. Sendo assim, tanto no dia da chegada ao lodge quando no dia da saída, o safári pode ter sua duração reduzida ou não ser realizado a fim de viabilizar os voos de acordo com o aéreo reservado.


SERVIÇOS INCLUÍDOS:

01 noite de hospedagem em Johannesburg;

02 noites de hospedagem na Região de Safáris Fotográficos;

02 noites de hospedagem na Região de Vinícolas;

03 noites de hospedagem em Cape Town;

Café da manhã diário, 02 jantares e 01 almoço;

Traslados aeroporto/ hotel/ aeroporto na Região de Safáris Fotográficos em serviço compartilhado com demais passageiros com motorista falando inglês;

Traslados aeroporto/ hotel/ aeroporto em Johannesburg, Região de Vinícolas e Cape Town em serviço privativo com motorista falando inglês;

Safáris fotográficos em jipes abertos acompanhados por um guia (ranger, falando inglês) especializado na flora e fauna local, compartilhado com outros passageiros;

Seguro viagem.


SERVIÇOS NÃO INCLUÍDOS:

Bilhetes aéreos (consulte-nos sobre a melhor tarifa);

Taxa de embarque nos aeroportos;

Taxa de preservação ambiental na reserva de safári;

Despesas com documentação e vistos consulares;

Entrada atrativos visitados que não estão mencionados como incluídos;

Passeios opcionais;

Refeições não mencionadas como incluídas;

Bebidas durante as refeições;

Extras de caráter pessoal (bebidas, lavanderia, telefone, etc.);

A tradicional gorjeta ao guia e/ou motorista, carregadores de malas, camareiras e etc., a critério de cada passageiro;

Qualquer serviço não mencionado em "Serviços incluídos".


VISTOS ( PARA PORTADORES DE PASSAPORTE BRASILEIRO):

África do Sul - vistos não são necessários para brasileiros em viagem à África do Sul por até 90 dias. Passaporte deve possuir pelo menos duas folhas em branco para o controle de imigração carimbar as entradas e saídas. O passaporte dever ter validade mínima de 3 meses a contar da data de saída do país.


VACINAS:

Para qualquer viagem ao continente africano, Ilhas Seychelles, Ilha Maurício ou Ilhas Maldivas, é obrigatório apresentar o CIV (Certificado Internacional da Vacina) contra febre amarela, que deve ser tomada com pelo menos 11 dias de antecedência ao embarque. Passageiros que tomarem a vacina com menos de 11 dias de antecedência poderão ter seu embarque recusado no Brasil. O Certificado deve ser internacionalizado. O simples comprovante de vacina obtido no posto de saúde (em português) não tem valor como documento internacional.
Para as visitas classificadas como regiões de incidência de malária, recomendamos falar com seu médico ou consultar: Hospital das Clínicas/Ambulatório dos Viajantes.